Notícias

Ford encerra produção no Brasil

2 minuto/s de leitura

Nesta segunda-feira (11), a Ford anunciou o fechamento de três fábricas em território brasileiro em 2021. As fábricas da Ford em Camaçari (BA) e Taubaté (SP) serão fechadas imediatamente, enquanto a planta da Troller em Horizonte (CE) continuará em operação até o quarto trimestre deste ano. A companhia anunciou ainda que a produção de algumas peças continuará nos próximos meses, para suprir as demandas de pós-venda.

De acordo com a Ford, as vendas dos atuais modelos nacionais da montadora serão interrompidas assim que acabarem os estoques. A companhia garante, todavia, o suporte total aos clientes após a compra de veículos, com garantia e manutenção assegurados. Na fábrica de Camaçari, eram montados os modelos Ka e EcoSport, enquanto a fábrica de Taubaté era encarregada da fabricação de motores e transmissões.

Com o fechamento das fábricas nacionais, a Ford deve passar a trabalhar com modelos importados no mercado brasileiro. Na América do Sul, a Ford possui plantas no Uruguai e Argentina. Recentemente a companhia anunciou um aporte de US$ 580 para a produção da nova geração da picape Ranger em General Pacheco, na Argentina, com 70% do volume de produção sendo destinado para exportação.


Saiba mais

Vendas do setor automotivo tem maior baixa desde 2015


O fechamento das fábricas no Brasil faz parte de um plano de reestruturação de cerca de US$ 11 bilhões planejado pela montadora em suas operações ao redor do globo. Em 2019, a Ford já havia encerrado as operações da sua planta em São Bernardo do Campo (SP). O fechamento das plantas custará R$ 4,1 bilhões à Ford.

Ao todo, as fábricas de Camaçari, Taubaté e Horizonte empregam cerca de 8000 pessoas, das quais nem todas devem ser demitidas. Segundo a Ford, serão aproximadamente 5000 funcionários afetados com o fim das atividades no Brasil. A decisão foi motivada por uma queda de 26% nas vendas em 2020, com a perspectiva de que os níveis de venda alcançados em 2019 só sejam alcançados novamente em 2023.

Em pronunciamento, o executivo-chefe da Ford, Jim Farley, afirmou que a decisão de fechar as plantas no Brasil foi muito difícil, mas crucial para manter um modelo de negócios sustentável mundialmente. “Estamos mudando para um modelo de negócios mais enxuto e com menos ativos ao encerrar a produção no Brasil”, apontou.

Imagem em destaque:  / divulgação

Quer investir no mercado de ações mas não sabe por onde começar?

Preencha o formulário abaixo que um assessor da GX Investimentos irá ajudar em sua jornada a liberdade financeira
360 conteúdos

       
Sobre o autor
Jornalista Smart Money Leia, estude, se informe! Apenas novas atitudes geram novos resultados!
       Conteúdos

Quer saber mais sobre investimentos?



Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade




Conteúdos relacionados
Notícias

Após frenesi, GameStop sai em busca de novo CEO e uma reestruturação completa

1 minuto/s de leitura
Após frenesi das ações da GameStop (GME), que chegaram a valorizar mais de 2.000% em menos de um ano, a companhia do…
AÇÕESNotíciasRenda Variável

Ibovespa segue boa sequência e volta aos 120 mil pontos nesta quarta (14)

1 minuto/s de leitura
Nesta quarta-feira, o Ibovespa deu seguimento à sua boa fase, subindo 0,84% e chegando novamente aos 120 mil pontos desde o dia…
Notícias

Em reconciliação com caminhoneiros, governo reduz mistura obrigatória no óleo diesel fóssil

2 minuto/s de leitura
Após meses tensos com ameaças de paralisação por parte da categoria de caminhoneiros, o Governo Federal busca reconciliação. Uma resolução do CNPE…
Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, personalizar publicidade e recomendar conteúdos.
Ao utiliza nossos serviços, você concarda com tal monitaramento.
Consulte a nossa Política de Privacidade

x
Aceito o uso de cookies