Educação Financeira

Juros compostos e visão de longo prazo

2 minuto/s de leitura

“Os juros compostos são a oitava maravilha do mundo. Aquele que entende, ganha. Aquele que não entende, paga”. Essa frase, normalmente atribuída a Albert Einstein, ajuda-nos a sintetizar o comportamento dos investidores no mercado financeiro. Compreender a dinâmica dos juros compostos é um fator imprescindível para obter sucesso em investimentos de longo prazo.


Logo no começo dos estudos de Matemática Financeira, o aluno realiza uma revisão de razão e proporção, porcentagem, para então entrar nos juros simples. Essa parte inicial não é algo tão difícil para quem já é familiarizado a realizar operações aritméticas. No entanto, na continuação do conteúdo, ele se adentra no mundo dos juros compostos, que começam a tornar o estudo da Matemática Financeira mais dinâmico e interessante, pois é possível observar que na verdade o mundo não se comporta de forma reta, mas sim com variações exponenciais. No curtíssimo e curto prazo, a tal variação não é dada tanta relevância, devido a não se dar tanta diferença.

O “truque” dos juros compostos ocorre a cada período de capitalização, pois embora o percentual do juro seja o mesmo, a sua base vai aumentando de tamanho ao longo do tempo, fazendo assim com que sua dinâmica exponencial se manifeste. E olhando para o universo do mercado financeiro, uma visão de longo prazo é importante pois assim o investidor pode compreender que seus investimentos serão capitalizados ao longo dos períodos, seja devido aos ganhos de capital dos seus ativos, seja também por reinvestimentos de lucros ao longo dos anos.


E como já sinalizado no parágrafo anterior, para visualizar a “mágica” dos juros compostos, é preciso ter uma visão de longo prazo, coisa que a maioria da população não tem. É perfeitamente compreensível que, dada toda a sorte de problemas que as pessoas já possuem em suas vidas, em que cada dia é uma batalha para sobreviver, ainda mais em tempos de tamanha incerteza como os nossos, pensamentos de longo prazo muitas vezes são apenas “uma fantasia, um devaneio, um sonho de uma noite de verão” para a maioria das pessoas, o que é bastante preocupante.


Ainda que seja algo com aparência de mágica, é matemática pura, pura e simples. Porém, é uma matemática que anda devagar, e em cenários de juros baixos, mais devagar ainda. Por isso o foco no longo prazo é importante, indispensável. Porém, com os juros baixos, a renda fixa tende a ser menos atrativa, e como o investidor é racional, ele vai para onde pode obter maior retorno, avaliando os riscos, também indo para a renda variável.


Assim, caro leitor, lembra que ao investir seus recursos, ao aportar na corretora, longo prazo não são 6 ou 12 meses. Longo prazo é um trabalho de anos, décadas. Mas reforço aqui que procurar ter visão de longo prazo, não só nos investimentos como na vida, é fundamental, pois assim daremos relevância ao que realmente importa. Observando a dinâmica exponencial da curva de juros compostos, vemos que esta possui importância cada vez maior ao longo do tempo, tendendo “ao infinito”, enquanto que coisas não tão importantes vão se reduzindo, tornando-se irrelevantes, tendentes a zero.

6 conteúdos

       
Sobre o autor
Economista, sob o número Corecon/RS-8245. Bacharel em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande (Furg) e Mestre em Economia Aplicada pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Possuo formação acadêmica voltada para a resolução de problemas econômicos  através de métodos quantitativos de análise, financeiros e econométricos. Atualmente sou servidor da Prefeitura Municipal do Rio Grande (RS), e possuo conhecimentos acerca do funcionamento da estrutura da administração pública  brasileira, tendo inclusive atuado como professor de  Administração Financeira e Orçamentária. Acredito que os desafios são o principal combustível que deve mover as pessoas na busca de seus objetivos e ideais. Também tenho por princípio acreditar na capacidade dos indivíduos, para que possamos construir uma sociedade melhor, mais justa e próspera. Em nossa coluna vamos conversar sobre economia e como ela afeta a nossa vida. Vem comigo!
       Conteúdos

Quer saber mais sobre investimentos?



Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade




Conteúdos relacionados
Educação Financeira

Podcast Smart Time: 18º Episódio – Pax Americana

1 minuto/s de leitura
Seja muito bem-vindo ao Smart Time, o podcast oficial da Smart Money! Neste episódio #18 do Short Squeeze, Guilherme Guerreiro recebe Zé Rocha, da…
CuriosidadesEducação Financeira

Entenda de vez a Previdência Privada Fechada

3 minuto/s de leitura
“POR ESSES MOTIVOS A PREVIDÊNCIA PRIVADA FECHADA SÓ VALE A PENA PARA QUEM TEM DIREITO A CONTRAPARTIDA DO PATROCINADOR.” RONDINELLI BORGES Maravilha,…
Educação Financeira

De onde surgiu o termo “startup unicórnio”?

4 minuto/s de leitura
É sonho de todo empreendedor de sucesso que sua companhia atinja altos níveis de valuation no mercado financeiro, impulsionados pela boa gestão,…
Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, personalizar publicidade e recomendar conteúdos.
Ao utiliza nossos serviços, você concarda com tal monitaramento.
Consulte a nossa Política de Privacidade

x
Aceito o uso de cookies