Notícias

GIRO CORPORATIVO: UsaFlex se prepara para IPO, vendas de minério de ferro sobem em 14,8% na Vale; saiba mais sobre Carrefour, Itaú, Renner, Itaúsa

3 minuto/s de leitura

UsaFlex

A UsaFlex, empresa do ramo de calçados fundada em 1998, se prepara para uma Oferta pública inicial (IPO em inglês) prevista para acontecer em 2023.

A investida é uma tentativa de superar a imagem de “calçado de vovô” para uma empresa de capital aberto inovativa, impulsionada pelos investimentos recentes.

Em 2016, a Axxon comprou 70% da companhia, que desde lá soma lucros exponenciais. O faturamento da UsaFlex foi de R$ 280 milhões para R$ 390 milhões nesse período, com um Ebtida que chegou a R$ 58 milhões em 2019.

“O mercado queria que a gente fizesse o IPO no ano passado, mas entendemos que não era o período ideal, exatamente pela oportunidade de captação de valor”, disse Sergio Bocayuva, CEO da Usaflex, à CNN Brasil. O CEO argumenta que a expansão da empresa deve provocar um momento propício em 2023.

Vale (VALE3)

A Vale divulgou seus resultados operacionais das vendas do 1T21 nesta segunda-feira (19). A companhia vendeu 14,8% a mais de minério de ferro comparado com o mesmo período do ano passado.

“A produção de finos de minério de ferro da Vale totalizou 68,0 Mt no 1T21, 14,2% superior ao 1T20, com a Vale avançando em seu plano de estabilização e retomada operacional”, diz a nota da Vale.

Sobre os cuidados com a pandemia de COVID-19, a Vale segue progredindo nos seus planos de “estabilização do Minério de Ferro”, apesar dos desafios:

“Em Metais Básicos, a venda das operações de VNC foi um passo importante no compromisso da Vale de transformar o negócio, simplificando o fluxograma das operações e permitindo um foco contínuo nos ativos core. A Vale também anunciou sua intenção de sair do negócio de Carvão e concluiu em abril a reformulação das duas plantas de processamento em Moatize, que deverá produzir resultados sustentáveis para o negócio”, diz a Vale.

Grupo Carrefour Brasil (CRFB3)

O Grupo Carrefour, do ramo de supermercados e varejo, divulgou seus resultados operacionais de vendas referentes ao 1T21. A nota foi publicada na noite de ontem (19).

As vendas do Carrefour subiram 15,1% em 2021 considerando a variação anual, e 29,5% comparado com 2019.

“O 1T foi marcado pelo cancelamento do carnaval, desaceleração da inflação de alimentos e novas medidas restritivas para combater a pandemia em março; forte base de comparação vs. 2020, que foi ano bissexto e no qual muitos clientes estocaram produtos em meados de março, no início da pandemia”, diz a nota do Carrefour.

No setor de atacado, a receita bruta aumentou em 9,3%,  indo a R$ 5,4 bilhões. Nas Lfl (vendas  mesmas lojas, ou like for like) o crescimento foi de 8,3% na comparação anual.

No e-commerce, o Carrefour cresceu em 34,9% em volume bruto total de mercadoria (GMV).

“O Grupo Carrefour Brasil registrou outro forte desempenho no primeiro trimestre, superando o mercado com crescimento de vendas de dois dígitos, apesar de um ambiente muito desafiador no Brasil e uma base de comparação difícil”, diz o CEO do Grupo Carrefour no Brasil, Noël Prioux.


Saiba mais

GIRO CORPORATIVO: morre fundador da Adobe; JBS compra a europeia plant-based Vivera; Itaú anuncia JCP; saiba mais sobre Via Varejo, Minerva, Porto Seguro e Hypera


Itaú (ITUB4)

O banco Itaú divulgou nesta segunda-feira (19) a captação de US$ 400 milhões (R$ 2,2 bi) com a United States International Development Finance Corporation (DFC), destinados à expansão de crédito.

A operação foi feita em março, e deve beneficiar diretamente as unidades economicamente vulneráveis, no norte e nordeste do país.

“A iniciativa reforça um dos nossos compromissos de Impacto Positivo, o de Inclusão e Empreendedorismo, que visa melhorar a gestão financeira de micro e pequenas empresas, por meio de produtos e serviços”, disse o banco em nota.

Lojas Renner (LREN3)

A XP Investimentos divulgou um relatório onde diz que a oferta de ações entre R$4,78 e 6,46 bilhões feita pela Renner na segunda-feira (19) deve significar uma aquisição próxima da loja.

“Acreditamos que a oferta é muito grande para ser utilizada apenas em crescimento orgânico, de modo que acreditamos que a companhia possui algum tipo de aquisição em vista”, dizem os especialistas.

Segundo a XP, a maior possibilidade de aquisição é a do grupo C&A, também do setor de vestuário. Mesmo assim, a corretora indica que se caso a Renner estiver procurando aumentar sua presença digital, uma aquisição da Dafiti faria sentido.

“Acreditamos que a companhia poderá fazer mais de uma aquisição, sendo mais provável um número maior de pequenas aquisições, porém não descartando eventos mais transformacionais”, diz o relatório.

Itaúsa (ITSA4)

O Itaúsa, holding de investimentos de capital aberto, anunciou a antecipação de pagamentos a acionistas dos Juros Sobre Capital Próprio (JCP), com valores brutos de R$ 0,02131 por ação.

A antecipação acontece por conta do dividendo obrigatório de 2021, e os pagamentos devem acontecer até o dia 30 de setembro.

Considerando a incidência de imposto de renda, o JCP distribuirá R$ 0,0181135 por ação aos acionistas.

Foto: Reuters / Divulgação

Quer investir no mercado de ações mas não sabe por onde começar?

Preencha o formulário abaixo que um assessor da GX Investimentos irá ajudar em sua jornada a liberdade financeira
511 conteúdos

       
Sobre o autor
Jornalista Smart Money Leia, estude, se informe! Apenas novas atitudes geram novos resultados!
       Conteúdos

Quer saber mais sobre investimentos?



Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade




Conteúdos relacionados
Notícias

Cerimônia de abertura marca o início das Olimpíadas de Tóquio

2 minuto/s de leitura
Com a presença de músicas clássicas do mundo de jogos eletrônicos, como Sonic, NieR e Chrono Trigger, a cerimônia de abertura das…
Notícias

Open Banking: entenda como a nova tecnologia vai revolucionar o mercado financeiro brasileiro

3 minuto/s de leitura
Assim como outras grandes tecnologias do mercado financeiro, com o blockchain e inteligências artificiais (AI) que facilitam a vida de todos, o…
Notícias

ICEI: Confiança do Empresário Industrial aumenta 0,3% em julho, maior patamar do mês desde 2010

1 minuto/s de leitura
De acordo com dados publicados pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), o Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) subiu 0,3% em…
Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, personalizar publicidade e recomendar conteúdos.
Ao utiliza nossos serviços, você concarda com tal monitaramento.
Consulte a nossa Política de Privacidade

x
Aceito o uso de cookies