AÇÕESNotícias

Fique por dentro dos assuntos mais relevantes desta segunda-feira (03)

4 minuto/s de leitura

Em São Paulo, o prefeito Bruno Covas (PSDB) decidiu pelo licenciamento do cargo neste domingo (03). O prefeito deve ficar pelo menos 30 dias afastado do cargo, dedicando todo seu tempo no tratamento e recuperação.

Na Câmara, Arthur Lira (PP-AL) diz que a reforma fiscal, necessária para o crescimento do país, deve ir ao plenário de forma fatiada. A ideia é conseguir aprovar a reforma de forma mais fácil.

Quanto ao Orçamento, as consequências dos cortes em áreas obrigatórias começam a aparecer em um dos principais ministérios do governo.

Esses e outros destaques você confere agora.

BRUNO COVAS DECIDE SE LICENCIAR DO CARGO DE PREFEITO

O Bruno Covas (PSDB) anunciou na noite de ontem (02) que decidiu se licenciar do cargo de prefeito da grande São Paulo por 30 dias. Covas, que enfrenta um câncer no sistema digestivo, foi internado novamente neste domingo (02) e disse em suas redes sociais querer dedicar todo seu tempo na sua recuperação:

Durante esse período, o vice-prefeito, Ricardo Nunes (MDB), deve assumir a prefeitura da cidade. O pedido aos vereadores para licenciamento, que ainda não aconteceu, deve ser enviado ainda hoje.

Embora o quadro apresente gravidade, segundo médicos encarregados do tratamento de Covas, ele está estável, mas não há previsão de duração da atual internação.

Em março, Covas havia anunciado que, após a realização de uma tomada de exames, encontrou novos focos do câncer no fígado e nos ossos. Embora isso não tenha debilitado o prefeito de seus afazeres na prefeitura, o tratamento foi adaptado para atender às novas necessidades. Além da quimioterapia, o prefeito também faz imunoterapia.

ARTHUR LIRA DIZ QUE REFORMA TRIBUTÁRIA DEVE SER FATIADA

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), afirmou neste domingo (02) em entrevista à Bandeirantes, que a reforma tributária deve ser fatiada para sua aprovação ser facilitada.

Segundo Lira, sua aprovação é importante para o crescimento do país.

“Quando digo que sou otimista, eu sei que todos os temas são difíceis, mas ele é absolutamente necessário. O País não pode continuar com essa dúvida sobre o pagamento dos impostos, não podemos admitir que a Receita faça 1900 regulamentações em cima daquilo que o Congresso faz. Está em discussão no STF uma causa tributária de mais de R$ 200 bilhões. A legislação precisa de uma atualização, a nossa legislação tributária faliu, está prejudicando o desenvolvimento do nosso país”, disse Lira.

Outro assunto abordado pelo presidente da Câmara se refere à tributação virtual, que muitos chamam de nova CPMF. Segundo Lira, o tema será pautado e discutido.

“Se você chama de CPMF, você já assassina a discussão. É um imposto digital e não podemos comparar com a CPMF de 20 anos atrás. Você tem que ter um imposto digital se quiser ser mais expansivo, mas é uma discussão mais ampla”, disse Lira.

CORTES NO ORÇAMENTO COMEÇAM A EXPOR SITUAÇÃO CRÍTICA NA EDUCAÇÃO

O Orçamento para 2021, sancionado pelo presidente com cortes, começa a aparecer em graves déficits na área da educação. Apenas neste fim de semana, três notícias merecem destaque.

  • A verba no Ministério da Educação é metade da disponível em 2018: segundo a Instituição Fiscal Independente, ligada ao Senado, com cortes previstos na Lei Orçamentária Anual (LOA), a pasta tem R$ 8,9 bilhões executáveis. Em 2018, a verba era de R$ 23,2 bilhões.
  • Ufal suspende bolsas de extensão: segundo a reitoria da Universidade Federal de Alagoas (Ufal), R$ 42 milhões foram cortados da verba da universidade.
  • Universidade Federal de Goiás (UFG) não tem verba para funcionar até o fim do ano: segundo a reitoria da universidade, o corte de verba chega a R$ 20 milhões.

A área da Educação não deve ser a única a sentir os efeitos de cortes. O Orçamento foi aprovado com cortes de R$ 19 bilhões em emendas parlamentares, e adicionais R$ 9 bilhões que devem afetar ministérios.

Mesmo com os cortes e aprovação de medida que deixa gastos com a pandemia de fora do teto de gastos, áreas técnicas já afirmam que o governo pode sofrer uma verdadeira paralisação. É sinal que pode vir uma crise interna conforme o ano passa, agravando a situação fiscal do país.

IMPEACHMENT DE WITZEL É APROVADO POR UNANIMIDADE

O Tribunal Especial Misto votou favorável ao pedido de impeachment do agora ex-governador Wilson Witzel (PSC). A decisão foi unânime entre dez membros, incluindo cinco desembargadores e cinco deputados.

Em suas redes sociais, o ex-governador critica a decisão:

O impeachment deve deixar Witzel inelegível por cinco anos. À CNN Brasil, o político disse que desistirá de eventuais recursos.

“Não vou recorrer. Desejo boa sorte ao vice-governador. Não há recurso possível. Acabou. Fica para a história fazer o julgamento. Vou cuidar da minha família”, disse Witzel.


Saiba mais

CPI da Covid e Orçamento podem atrasar agenda de reformas do Planalto


AGENDA

Às 5hh: o IPC-Fipe referente ao mês de abril foi publicado. O índice ficou em 0,44%.

Às 8h25: Boletim Focus é publicado pelo Banco Central (BC).

BOLSAS E CÂMBIO

Os mercados europeus começam o dia em alta no primeiro pregão do mês. No Reino Unido, as bolsas estão fechadas para o feriado.

Às 8h da manhã:

  • STOXX 600 (STOXX): +0,40%, indo a 439,14 pontos
  • DAX (GDAXI): +0,66%, indo a 15.236,55 pontos
  • FTSE 100 (FTSE): +0,12%, indo a 6.969,81 pontos
  • CAC 40 (FCHI): +0,44%, indo a 6.297,29 pontos
  • FTSE MIB (FTMIB): +0,90%, indo a 24.357,50 pontos

Em dia lento, os índices asiáticos registram baixas neste início de mês. No Japão e China, os mercados estão fechados para feriado.

  • Hang Seng (HK50): -1,38%, indo a 28.280,00 pontos
  • KOSPI (KS11): -0,66% , indo a 3.127,20 pontos
  • Shanghai Composto (SSEC): -0,81%, indo a 3.446,86 pontos
  • Nikkei 225 (N225): -0,83%, indo a 28.812,63 pontos
  • Shanghai Shenzhen CSI 300 (CSI300): -0,79%, indo a 5.123,49 pontos

Às 8h da manhã, os índices futuros dos EUA apresentam resultados positivos:

  • Nasdaq 100 Futuros: +0,23%, indo a 13.881,38 pontos
  • Dow Jones Futuros: +0,61%, indo a 33.972,50 pontos
  • S&P 500 Futuros: +0,50%, indo a 4.195,38 pontos

Acompanhe as cotações do Dólar e o Euro na manhã desta segunda-feira (03):

  • Às 9h03, o Dólar caiu -0,21%, a R$ 5,52
  • Às 9h03, o Euro subiu +0,06%, a R$ 6,43

Foto: Governo de São Paulo / Reprodução

Quer investir no mercado de ações mas não sabe por onde começar?

Preencha o formulário abaixo que um assessor da GX Investimentos irá ajudar em sua jornada a liberdade financeira
318 conteúdos

       
Sobre o autor
Jornalista Smart Money Leia, estude, se informe! Apenas novas atitudes geram novos resultados!
       Conteúdos

Quer saber mais sobre investimentos?



Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade




Conteúdos relacionados
AÇÕESNotíciasRenda Variável

Ibovespa continua recuperação nesta sexta (14), mas encerra semana com perdas

1 minuto/s de leitura
Nesta sexta-feira (14), o Ibovespa continuou sua recuperação após o desastroso pregão de quarta, subindo 0,97% e indo a casa dos 121…
Notícias

SmartTech: o efeito ‘Elon Musk’ nas criptomoedas; PIX Cobrança começa a funcionar; Amazon anuncia frete grátis para compras internacionais; saiba das novidades da BugHunt, SpaceX e Google

4 minuto/s de leitura
Elon Musk e a polêmica das criptomoedas Por algum tempo, Elon Musk se tornou quase que um embaixador das criptomoedas. Isso porque…
Notícias

GIRO CORPORATIVO: Petrobras reverte prejuízos e lucra R$ 1,16 bilhão; Magazine Luiza lucra 739,7% a mais no 1T21; Renner tem prejuízos no trimestre; saiba mais sobre Itaú, IRB, Cogna e Taesa

5 minuto/s de leitura
Petrobras (PETR3, PETR4) A Petrobras divulgou seus resultados operacionais referentes ao 1T21 nesta quinta-feira (13). A estatal registrou R$ 1,16 bilhão em…
Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, personalizar publicidade e recomendar conteúdos.
Ao utiliza nossos serviços, você concarda com tal monitaramento.
Consulte a nossa Política de Privacidade

x
Aceito o uso de cookies