Destaque

GIRO INTERNACIONAL: Somente vacinados poderão frequentar bares e restaurantes em Moscou; Maior jornal pró-democracia de Hong Kong deixa de circular; saiba mais sobre o bitcoin em El Salvador, a morte de John McAfee e o mercado internacional

6 minuto/s de leitura

SOMENTE VACINADOS PODERÃO FREQUENTAR BARES E RESTAURANTES EM MOSCOU

A prefeitura de Moscou divulgou que a partir da próxima segunda-feira (28), apenas pessoas vacinadas poderão frequentar bares e restaurantes na cidade. A medida tem como objetivo combater o avanço dos contágios na capital russa, que bateu recordes na semana passada com o surto da variante Delta do novo coronavírus no país.

Os habitantes devidamente vacinados de Moscou devem baixar um aplicativo da prefeitura da cidade, que fornecerá um código QR para ser apresentado para liberar a entrada em bares e restaurantes. Outras alternativas para a população são apresentar um teste PCR com resultado negativo feito nos últimos três dias ou, ainda, comprovar infecção pelo novo coronavírus nos últimos seis meses.

Com a vacinação no país ainda lenta, a Rússia se viu obrigada a impor restrições mais severas para conter o avanço da Covid-19 em território nacional. Com o último surto da doença, a Rússia se tornou o país com mais mortes por Covid-19 no continente europeu, com mais de 128 mil vítimas desde o início da pandemia.

A variante Delta é uma das quatro cepas que mais preocupa as autoridades internacionais no momento, ao lado das variantes Alfa, Beta e Gama (P.1), identificadas pela primeira vez no Reino Unido, África do Sul e Brasil, respectivamente. A variante Delta já é responsável por 90% dos novos casos na capital russa.

Na Rússia, o ritmo lento de vacinação, bem como a falta de medidas restritivas nos últimos meses, são amplamente considerados os principais motivos para o novo agravamento no número de casos de Covid-19.

Com a realização de grandes eventos suspensa no país, a prefeitura de Moscou montou uma estrutura especial para os fãs que desejam assistir aos jogos da UEFA Euro 2020. A “fanzone” de Moscou, no complexo olímpico de Luzhniki, está atualmente isolada na cidade. São Petersburgo, sede dos jogos da competição em solo russo, também passa por uma aumento no número de casos de Covid-19.

MAIOR JORNAL PRÓ-DEMOCRACIA DE HONG KONG DEIXA DE CIRCULAR

Nesta quinta-feira (24), circulou em Hong Kong a última edição do Apple Daily, maior jornal pró-democracia da região. O jornal encerra suas operações seis dias após a polícia chinesa prender dois executivos e três jornalistas do periódico. Além das prisões, foram confiscados computadores de 38 funcionários do Apple Daily.

Após 26 anos em operação, a situação ficou insustentável para a manutenção do Apple Daily, o jornal é acusado de agir contra a Lei de Segurança Nacional chinesa. Chefe do Executivo de Hong Kong, Carrie Lam se alinhou ao governo chinês há pouco mais de um ano, implementando a lei em questão também no território autônomo.

O fundador do jornal, Jimmy Lai, está preso acusado  de cooperar com forças estrangeiras para colocar em risco a segurança nacional. Antes do jornal encerrar suas operações, diversos jornalistas da redação já haviam pedido demissão, considerando que os riscos envolvidos em trabalhar para o Apple Daily já eram grandes demais.

O apoio do público, porém, só aumentou nos últimos dias. O jornal aumentou suas tiragens na semana passada, vendendo 500 mil cópias na sexta-feira passada. Além das prisões e do confisco de equipamento, uma das contas do Apple Daily foi congelada nos últimos dias.

Para a última edição do periódico, foram impressas exatamente 1 milhão de cópias. Na madrugada desta quinta, multidões fizeram fila para comprar o exemplar histórico do Apple Daily. Em seu site, o jornal deixou uma mensagem a seus leitores, agradecendo pelo apoio ao periódico.

“Obrigado por apoiar o Apple Daily. Estamos tristes em informar que os conteúdos para web e aplicativo não mais estarão acessíveis a partir das 23h59 do dia 23 de junho (horário de Hong Kong)”, afirmou.

SEGUNDO PRESIDENTE DO PAÍS, ADOÇÃO DO BITCOIN EM EL SALVADOR É INFALÍVEL

Neste mês, El Salvador se tornou o primeiro país do mundo a aceitar oficialmente o bitcoin como forma de pagamento. A lei para implementação da criptomoeda no país foi aprovada há duas semanas, no dia 9 de junho, e será válida a partir de setembro deste ano.

Em entrevista a um podcast sobre bitcoin nesta quarta, o presidente do país, Nayib Bukele, afirmou que o plano de tornar o bitcoin uma moeda oficial do país é “à prova de balas”. Segundo ele, a implementação da criptomoeda no país tem riscos muito pequenos quando comparados ao potencial de geração de emprego e renda para o país da América Central.

Bukele afirmou ainda que  El Salvador é pioneiro no que ele considera um “avanço para a humanidade”. O presidente afirmou ainda que a medida tornará o país menos dependente da emissão do dólar americano, moeda oficial do país desde 2001. “(Estaremos) pelo menos nos tornando um pouco menos dependentes da emissão de novos dólares norte-americanos e da nova inflação que vem com todos esses novos dólares”, apontou.

Segundo ele, as reservas nacionais de El Salvador devem continuar usando a moeda norte-americana e não há um plano para usar o bitcoin nas mesmas. Segundo ele, caso o movimento ocorra, a manutenção do bitcoin nas reservas nacionais não acontecerá no curto prazo.

A implementação do bitcoin em El Salvador ocorreu sem assistência do Banco Mundial, que mostrou preocupações legais e ambientais com a criptomoeda. Recentemente, o país protocolou o pedido de um empréstimo de 1 bilhão de dólares ao Fundo Monetário Internacional. O FMI, no entanto, também se mostrou preocupado com a implementação do bitcoin como moeda oficial no país, o que pode colocar em risco o programa solicitado.

FUNDADOR DA MCAFEE É ACHADO MORTO EM PRISÃO

John McAfee, criador do famoso antivírus McAfee, foi achado morto em sua cela de prisão na Catalunha. O empresário estava preso desde o ano passado acusado de crimes fiscais, seu corpo foi encontrado algumas horas após a justiça espanhola aprovar a sua extradição para os Estados Unidos. Ele tinha 75 anos de idade.

Programador, o empresário fundou a McAfee & Associates em 1987 e, em 1992, o seu antivírus já era um dos mais usados em computadores mundo afora, principalmente em ambientes corporativos. Ele se desligou da empresa ainda na década de 1990, vendendo toda a suas ações da McAfee em 1996.

Desde então, o empresário acumulou polêmicas em sua vida, principalmente na década passada. Em 2012, a Justiça de Belize o considerou suspeito de participar no homicídio de um vizinho. McAfee chegou a ser considerado fugitivo no país. Nos últimos anos, McAfee investiu a maior parte de seus recursos na negociação de criptomoedas.

Entre as mais diversas afirmações polêmicas que fez em público, McAfee foi acusado inúmeras vezes de crimes fiscais. Ele tinha um mandado de captura emitido pela Interpol e estava preso em Barcelona desde outubro do ano passado, quando foi detido em um aeroporto espanhol.

O pedido de extradição protocolado pelos EUA em novembro acusa McAfee de lucrar mais de US$ 12 milhões entre 2014 e 2018 sem declarar impostos. Seu corpo foi achado poucas horas após o pedido de extradição ser aceito em primeira instância na Espanha. Caso enfrentasse julgamento em território estadunidense, John McAfee poderia ser condenado a até 30 anos de prisão.


Saiba mais

GIRO CORPORATIVO: Modalmais fecha acordos com escritórios da XP; Marfrig compra área no Paraguai; Nubank cancela roda de conversa com Anitta; saiba mais sobre XP, Fleury, Totvs, Vale, Sanepar, Movida e Jalles Machado


BOLSAS E CÂMBIO

Esta quinta-feira foi de alta geral no mercado internacional. O mercado reagiu positivamente ao acordo firmado nos EUA para investimentos na área de infraestrutura. Tivemos altas nos principais índices de Europa, Ásia e EUA hoje.

Confira os números do mercado europeu:

  • STOXX 600 (STOXX): +0,87% (457.04)
  • DAX (GDAXI): +0,86% (15.589,23)
  • FTSE 100 (FTSE): +0,51% (7.109,97)
  • CAC 40 (FCHI): +1,22% (6.631,15)
  • FTSE MIB (FTMIB): +1,38% (25.422,22)

Confira os números do mercado asiático:

  • Hang Seng (HK50): +0,25% (28.880,00)
  • KOSPI (KS11): +0,30% (3.286,10)
  • Shanghai Composto (SSEC): +0,01% (3.566,65)
  • Nikkei 225 (N225): +0,00% (28.875,23)
  • Shanghai Shenzhen CSI 300 (CSI300): +0,17% (5.155,97) 

Confira os números do mercado norte-americano:

  • Dow Jones (DJI): +0,95% (34.196)
  • S&P 500 (SPX): +0,58% (4.266)
  • Nasdaq Composto (IXIC): +0,69% (14.369)

No câmbio, o dólar e o euro fecharam em baixa ante o real nesta quinta-feira, com a moeda norte-americana chegando a R$ 4,90 hoje. Confira a cotação das principais moedas estrangeiras:

  • Dólar: -1,16% (R$ 4,90) 
  • Euro: -1,07% (R$ 5,85)

Imagem em destaque: Time Magazine / divulgação

608 conteúdos

       
Sobre o autor
Jornalista Smart Money Leia, estude, se informe! Apenas novas atitudes geram novos resultados!
       Conteúdos
Conteúdos relacionados
Destaque

Traders Club adquire a Economatica, Qualicorp lança lojas físicas; saiba mais da Embreaer e JBS

2 minuto/s de leitura
Traders Club (TRAD3)  A Traders Club divulgou via Fato Relevante nesta sexta-feira (01) a compra da Economatica Software de Apoio a Investidores.  “Fundada em 1986, a Economatica é referência…
CuriosidadesDestaque

Jordânia, um tesouro no deserto

4 minuto/s de leitura
No início dos anos 2010 o meu interesse pelo Oriente Médio estava no auge, ou pelo menos acima da média. Um dos…
DestaqueEducação Financeira

Conheça os tipos de Fundos de Investimento

3 minuto/s de leitura
No nosso último artigo, conhecemos mais sobre os Fundos de Investimentos e suas principais características. Agora que você já está familiarizado, vamos…
Usamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, personalizar publicidade e recomendar conteúdos.
Ao utiliza nossos serviços, você concarda com tal monitaramento.
Consulte a nossa Política de Privacidade

x
Aceito o uso de cookies